MUSEU CASA DE RUI BARBOSA - BOTAFOGO - RIO DE JANEIRO


Em maio de 2015, visitei o Museu Casa de Rui Barbosa, impressionante espaço no bairro de Botafogo no Rio de Janeiro, que apresenta um retrato do ambiente em que viveu o jurista, escritor e político Rui Barbosa com sua família.


Logo na entrada do Museu, a figura ilustrativa de Rui Barbosa, recepciona os visitantes. Um dado curioso é que o lugar passou a ser ambientado como museu em 1930, sendo considerado o primeiro museu-casa do país.


O jardim da Casa de Rui Barbosa é um tesouro a parte. O site da Fundação Casa de Rui Barbosa para crianças, sobre esse espaço, destaca que:
obedece regras próprias para a sua manutenção e para o cuidado com as plantas e os animais que nele habitam. Porque o jardim da Casa de Rui Barbosa tem hoje dupla responsabilidade: a de informar e instruir e principalmente a de oferecer aos seus visitantes e usuários uma oportunidade para convívio com a natureza e com o silêncio, tão difíceis de se encontrar no atribulado bairro de Botafogo.
A casa abrigou a família de Rui que incluía sua esposa, D. Maria Augusta e seus cinco filhos entre os anos de 1895 a 1923.


É uma casa de gente rica em todos os sentidos. Habitação com amplos ambientes, jardim planejado e garagem. Aliás até os carros de Rui Barbosa foram preservados. Três desses, de tração animal e um de tração a motor. 


Quando Rui Barbosa faleceu, sua esposa decidiu vender a casa ao governo brasileiro, que à época teve a boa ideia de transformá-la em museu, adquirindo também mobiliário, livros e pertences em geral que ofereciam um retrato da vida em família e do poder aquisitivo do jurista.


O museu-casa é todo sinalizado. Há expositores que apresentam informações sobre os compartimentos, contando dados sobre os objetos e móveis dos moradores que lá viviam. 


No dia em que realizei à visita, havia um grupo de estudantes de turismo que buscavam conhecer cada espaço. É possível fotografar a vontade, desde que sem o uso de flash. Além disso soube que pode ser excelente participar de uma visita mediada!


Os compartimentos do Museu Casa foram divididos em: área social, área íntima, área de trabalho e área de serviços. Sobre o casarão, o site da Fundação aponta que: 
Ao todo, a Casa possui 22 ambientes assim denominados: Sala de Haia, Sala Habeas- Corpus, Sala Maria Augusta, Sala Pró-aliados, Sala Federação, Sala Buenos Aires, Sala Civilista, Sala Constituição, Sala Casamento Civil, Sala Código Civil, Sala da Instrução Pública, Sala Estado de Sítio, Sala Abolição (estas três localizadas no Sobrado), Sala João Barbosa, Sala Questão Religiosa, Sala Queda do Império, Sala Dreyfuss, além de 02 banheiros, Copa e Cozinha.
Chamam bastante a atenção os cômodos privados, ou seja, os quartos de dormir, banheiros, cozinhas, bem como as estantes que compõe as bibliotecas que estão em vários ambientes


Um dos espaços que reúne parte da biblioteca de Rui Barbosa se chama Gabinete Gótico, que funcionava como seu escritório e parece ter sido um dos seus ambientes preferidos. Nesse local, uma representação imagética possibilita aos turistas a criação de fotos com o jurista.   


Surpreendente porém é a visão do espaço da grande biblioteca. Móveis em madeira em tom escuro criam uma atmosfera austera. Por meio das prateleiras das grandes estantes envidraçadas é possível perceber o interesse do antigo dono da casa pelos livros.


O Museu Casa possui muito mais do que mostrei nessas imagens. As salas com estantes e livros se apresentam em vários outros cômodos. É bom poder visitar o ambiente com bastante tempo para perceber detalhes. 


Não mostrei muito dos espaços domésticos como áreas de cozinha e compartimentos menores. Deixo que os interessados descubram sozinhos em suas visitas...



Como boa turista, me deixei fotografar ao lado de Rui Barbosa em seu escritório rodeado por livros e aproveito para dizer que foi muito bom conhecer esse espaço carregado de história. Da casa, gostei especialmente das enormes janelas com vistas para o jardim...e também das incríveis estantes com centenas de livros.

...Em outros posts contarei sobre a biblioteca infantil e a especializada que conheci e que fazem parte do trabalho da Fundação Casa de Rui Barbosa!

O Museu funciona de terça a sexta-feira, das 10 às 17 horas e aos sábados, domingos e feriados das 14 às 18 horas.

Fotos: Soraia Magalhães
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário