BIBLIOTECAS PÚBLICAS EM PONTA DELGADA - PORTUGAL


Ponta Delgada é uma bonita cidade localizada na ilha de São Miguel, na região de Açores em Portugal. Possui mais de cinco séculos de existência e entre os seus encantos constam um agrupamento de edifícios, praças e casarios  que nos remetem às lembranças de cidades como Ouro Preto, no Brasil,  do período colonial. 


Visitei Ponta Delgada em novembro de 2014, por algumas horas. Era domingo e buscava sem muita expectativa encontrar aberta sua principal Biblioteca Pública, que acreditava estar fechada, assim como costuma ser na maioria das cidades do Brasil. Confirmando minhas suspeitas, soube que não abria para atividades aos domingos. 

Se opto por destacar esse fato, faço apenas para instigar a reflexão sobre a importância desses espaços culturais para o ambiente das cidades e a necessidade de serem pensadas medidas para reverter esse quadro.


Com base nas orientações obtidas no centro de informação turística, foi relativamente fácil descobrir o caminho que levava às duas bibliotecas da cidade. A principal, se chama Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada, que abriga ambas funções, de biblioteca e arquivo histórico.

Buscando maiores informações sobre o ambiente dessa Biblioteca Estadual, a página da Wikipédia destaca que o e espaço está "...instalado no edifício do antigo Colégio dos Jesuítas de Ponta Delgada, funcionando como um centro cultural, contando com diversos serviços culturais, incluindo um moderno auditório, e todos os tipos de suportes e tecnologias à disposição dos leitores e investigadores que a procuram."


Quanto a Municipal, se chama oficialmente Biblioteca Municipal Ernesto do Canto e está localizada em uma pequena edificação, que não destaca de forma muito expressiva o nome BIBLIOTECA, já que os dizeres estão localizados junto a estátua que dá nome à casa, na lateral do edifício. 

Ernesto do Canto foi um historiador, bibliófilo e político açoriano que possuía uma vasta coleção de obras sobre Açores, hoje esse rico material faz parte do acervo da Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada.



Nas imagens acima, o registro de dois momentos do encontro com os edifícios das Bibliotecas, que com já destacado, aos domingos não abrem suas portas. 

Seria relevante que o poder público de Portugal, ou do Brasil (que na maioria das vezes tem a mesma prática) avaliassem esse elemento em suas políticas culturais pois creio, sempre haverá usuários que adorariam encontrar nas bibliotecas públicas de suas cidades, ambientes com possibilidades para a realização de estudos, leituras e principalmente aos domingos, o encontro com atividades culturais no âmbito do cinema, teatro, música, literatura e tanto mais....


Fotos: Peter Janzon
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário