MARECHAL DEODORO, ALAGOAS E SUA BIBLIOTECA PÚBLICA


Marechal Deodoro é uma aprazível cidade do estado de Alagoas, fundada em 1591. A localidade chegou a ser em tempos idos, capital da província das Alagoas. Com casario histórico preservado foi considerada pelo Ministério da Cultura em 2006, Patrimônio Histórico Nacional.


Desde 2010 venho visitado bibliotecas e destas, muitas nunca foram comentadas aqui no Caçadores de Bibliotecas. A de Marechal Deodoro por exemplo, visitei em 2011 quando participava em Maceió do XXIV Congresso Brasileiro de Biblioteconomia, Documentação e Ciência da Informação - CBBD, evento que reuniu vários bibliotecários queridos, dentre os quais o amigo Raimundo Martins que visitou comigo a cidade  e a biblioteca.


O município, distante cerca de 30 Km de Maceió, foi criado em 09 de novembro de 1939, com essa denominação em homenagem a Marechal Deodoro da Fonseca, nascido na localidade e que foi o primeiro presidente da República do Brasil.


O espaço da Biblioteca era pequeno (talvez tenha sido ampliado ou transferido para outro local?), possuía naquela época poucas mesas e cadeiras, não haviam computadores e o acervo havia passado por tratamento técnico, contudo não estava informatizado. Na decoração das paredes, imagens de antigos lugares e vultos históricos. Quando realizamos a visita não havia nenhum usuário utilizando a biblioteca, (a visita ocorreu por volta das 14 horas).


Uma informação publicada em 2010 no site da Prefeitura de Marechal Deodoro, sobre a Biblioteca, apontou que:
A Biblioteca Pública Municipal Tavares Bastos, equipada com cinco mil livros, que funciona anexo ao Espaço Cultural, foi reformada recentemente, recebendo nova pintura, serviços elétricos, hidráulicos e cadeiras. A biblioteca tem capacidade para receber, diariamente, 50 alunos pela manhã e tarde.
Importante observar que a informação destaca a função da biblioteca como inerente ao atendimento de estudantes, sem atentar para outras demandas da sociedade como os adultos, os idosos, as crianças, entre outros.


Lá se foram quatro anos desde que Martins e eu visitamos a Biblioteca Pública Municipal Dr. Tavares Bastos. Foi muito bom termos feito o registro com a senhora responsável pela Biblioteca naquela época. Apesar de ter todos os registros de visitas que realizo em diversos cadernos, as vezes não estão à mão, fator que inviabiliza identificar as pessoas que conheci.



Encerro esse post desejando que a Biblioteca Municipal de Marechal Deodoro tenha recebido mais atenção nestes últimos anos por parte do poder público, com acervo renovado, melhoria em termos de conforto, equipamentos tecnológicos, capacitação profissional e muitos, muitos serviços. 

* Optei por fazer esse post em razão de estar acontecendo por esse período o 26º Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação 2015. Aproveito para desejar a todos um excelente Congresso!

Fotos: Soraia Magalhães
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário