BIBLIOTEK SKÄRHOLMEN - BIBLIOTECA NO SUBÚRBIO DE ESTOCOLMO - SUÉCIA


Em várias cidades brasileiras, as boas bibliotecas, estão localizadas em área central, geralmente mais bonitas, equipadas com acervos e mobiliário, espaço físico e serviços. Em Estocolmo, além dessa característica, pude constatar que também as bibliotecas dos bairros são bem favorecidas.


Ontem, 10 de agosto de 2012, estive em Skärholmen, que possui uma biblioteca pública que funciona no interior de um shopping center. Localizada bem próximo a uma praça e na saída do metrô, é um espaço que oferece muitas oportunidades para estrangeiros e, conforme pude perceber, moram muitos nessa região.




Para chegar a Biblioteca, estando no interior do shopping, pode-se tomar o elevador e encontrar um ambiente tranquilo e agradável, com  salões abertos, cabines individuais ou para estudos em grupo. Possui cerca de 45 000 livros, destinados a adultos e crianças, bem como jornais e revistas em várias línguas e ainda DVDs e CDs de música. Conta com cinco computadores com acesso à Internet.



De acordo com uma atendente, o espaço chega a receber até cerca de 1000 usuários por dia, quando lá estive era período de férias e haviam poucas pessoas, mas haviam, crianças, jovens, adultos e acervo condizente para todos os públicos. Inclusive material em português...


Por isso que o momento mais bacana dessa visita, aconteceu quando encontrei no pequeno acervo de livros em português "Felicidade Clandestina", de Clarice Lispector. Assim, pude ler para meu querido Peter um dos textos que considero entre outros, como favorito. A autora soube encerrar sua narrativa da forma linda: 
"As vezes sentava-me na rede, balançando-me com o livro aberto no colo, sem tocá-lo, em êxtase puríssimo. Não era mais uma menina com um livro: era uma mulher com o seu amante." 
Recomendo essa obra a todos os amantes da leitura...e se você ficar muito curioso por ouvir essa história é possível também, como? acessando Felicidade Clandestina - Clarice Lispector por Aracy Balabanian.


Fotos: Peter Janzon
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

2 comentários

Clique aqui para comentários
Obrigado pelo seu comentário