ESCOLA DE SAMBA REINO UNIDO DA LIBERDADE CONTA E CANTA A HISTÓRIA DO LIVRO




O livro está em evidência no carnaval amazonense. Com o enredo "O Livro: porque no Morro o samba é lê-ler", a Reino Unido da Liberdade levará para o sambódromo um tema que tem tudo haver com os apaixonados pela leitura bem como, aqueles que trabalham em prol das formas de conhecimento. 

Talvez alguns não saibam, mas a Reino Unido desenvolve um belo trabalho voltado para a formação de  leitores através do Instituto Reino do Amanhã, que trabalha a leitura com o projeto Samba Lê-Ler. 

O tema é por demais bonito e o grande barato é que presta homenagens a profissões que utilizam o livro como instrumento de trabalho, nesse caso bibliotecários, artistas, contadores de história, entre outros. 

É válido destacar que a Escola vem fazendo sua parte como agente de transformação e entre outras coisas, realizou em 2012 um belo projeto intitulado Poesia Solta na Rua, onde contou com a presença de poetas e pessoas ligadas a questão do livro em noites de ação cultural em frente a sua quadra, no Morro da Liberdade. 

A Reino Unido é minha escola do coração, que vi nascer nos dias em que ainda menina morava há quatro casas de onde hoje está localizada a quadra da Escola. Naquele tempo, os encontros eram em outro local, um pouco mais acima da rua, mas o som das rodas de samba motivava os moradores a prestigiarem a novidade que foi se fortalecendo ano após ano.

Segue imagens das fantasias das alas que tem haver com o pessoal que trabalhar mais diretamente com  livros, sejam bibliotecários, pessoas que atuam em bibliotecas comunitárias, poetas, e outros. Eu particularmente achei linda a fantasia dos poetas...




Acredito que a apresentação da Reino Unido nos levará mais uma vez ao tricampeonato. Eu, particularmente já vivi momentos muito bonitos e especiais em desfiles da minha Escola, inclusive desfilei grávida da Camila Magalhães, minha filha que hoje tem vinte e dois anos...

Faz tempo que não desfilo, pois geralmente estou viajando. Esse ano porém, por cantar O LIVRO, quero muito estar presente e por isso conclamo para participar desse momento, amigos que gostem de carnaval, bibliotecários, a turma do Instituto LER PARA CRESCER (que tem a cor da Escola!) e todos que sonham em ver nossa Manaus cada vez mais leitora!

E olha a letra do samba enredo composto Clenio franciné, Jair tapajós, Célio Cruz, Altemir Souza, Frank Ricardo e Neilo Batista, Clenio Franciné, Mestre Major e Frank Ricardo:


"O Livro - Porque no Morro o Samba é Lê Ler"

Quem vem lá
'Coroa' dona do meu coração
Samba e beija a passarela
Nas cores do mais lindo pavilhão


Meu Reino desbravou a liberdade
Escreve a realidade em tom de fantasia
Nessa linguagem do real e da imaginação
Faz a leitura de um contexto geral
O livro ilustra em aquarela a escuridão
E o Morro canta, vibra e faz seu carnaval



Vem pro 'samba lê ler', no papiro eu quero ver
Na brochura ou E-book meu poema é pra você
Nesse romance vou te amando na avenida
No pergaminho “uma Escola de vida”.



No verso amor, meu peito é um livro aberto sim
Escribas deram rumo certo, enfim, conhecimento traz libertação
Vou exaltar aqueles que deixaram o seu pensar
No mundo que precisa melhorar, salvem o “Reino do amanhã”.



Graças ao sonho da Filosofia florescer
Hoje eu vejo a academia enaltecer a vida e obra dos seus imortais.
O pulsar da Bateria Furiosa contagia
Solta na rua a Resistência é Poesia,
No livro dos grandes carnavais.



Eu quero ver a Reino Unido ensinar
Quando o poder do grande livro se abrir
Enaltecendo e construindo o pensar
E um mundo descobrir



.............................

P.S A primeira imagem trás o valor correspondente as fantasias!

Fotos: Soraia Magalhães
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

2 comentários

Clique aqui para comentários
Obrigado pelo seu comentário