VIÑA DEL MAR - BIBLIOTECA MUNICIPAL BENJAMÍN VICUÑA MACKENNAY


Em 2008 quando visitava bibliotecas, tinha o enfoque puramente turístico, por isso nesse post, apareço em todas as imagens. O blog Caçadores de Bibliotecas nasceria dois anos mais tarde, quando passei a conciliar meu interesse por estes espaços com a possibilidade de visualização para os demais interessados pela temática, sem que efetivamente fizesse parte constante em cada imagem.


Localizada em uma área de grande interesse turístico, a Biblioteca Municipal Benjamín Vicuña Mackennay faz parte do Centro Cultural de Viña del Mar e está instalada no Palácio Carrasco, edifício declarado monumento histórico nacional, nas proximidades do Museu Arqueológico Francisco Fonck


Quando realizei a visita não conversei com nenhum funcionário, apenas observei os espaços, identifiquei a área reservada para o público infantil e posei para fotos nos ambientes que achava mais interessantes. 

Naquele dia, não haviam usuários na biblioteca e me demorei pouco. Consultando porém informações atuais sobre o local, o site Viña del Mar aponta que seu acervo da Biblioteca é formado por: 
La colección es de 20.000 volúmenes aproximadamente y abarcan materias como literatura general, diccionarios, enciclopedias, atlas, archivos de recortes, de prensa, diarios, publicaciones periódicas. Además obras de valor patrimonial, en las cuales se destacan ediciones originales de obras de Benjamín Vicuña Mackenna.
Lembro que me encantei ao observar as fichas catalográficas dispostas em um convencional armário com suas gavetas metricamente construídas para receber as informações produzidas por bibliotecários.


A passagem por essa Biblioteca foi interessante, assim como a visão de outros lugares que visitei no Chile. 

Esse post faz parte das comemorações dos 5 anos do Blog Caçadores de Bibliotecas. O objetivo é registrar o nascimento de uma ideia que se consolidou como um trabalho que realizo com motivação, interesse e disciplina e ao qual tem por objetivo não apenas divulgar espaços de bibliotecas, mas também ações realizadas por profissionais da informação em tantos lugares.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário