SANREMO - BIBLIOTECA PÚBLICA - ITÁLIA


A imagem acima, corresponde a fachada do edifício da Biblioteca Pública de Sanremo, que oficialmente se chama Biblioteca Dott. F. Corradi, médico que deu origem as primeiras ações em prol da criação da biblioteca na cidade quando abriu a público seu próprio acervo particular.  


A cidade de Sanremo é internacionalmente conhecida pelo Festival de Música de Sanremo, inclusive o cantor brasileiro Roberto Carlos foi o vencedor com Canzone per te, em 1968. A cidade se orgulha também por ter recebido moradores ilustres como: Italo Calvino, Alfred Nobel, Luigi Pirandello e outros. 


A Biblioteca possui amplo acervo voltado para diversas áreas do conhecimento, mas também uma coleção dedicada a Italo Calvino, referentes as suas próprias obras, bem como outros estudos sobre o escritor.


Em termos de áreas, está localizada em um edifício do século XIX, no térreo dispõe de outros espaços comerciais, ao passar pela rua, é preciso prestar bastante atenção para saber que no local há uma biblioteca pois há pouca sinalização...


A imagem acima é do principal salão para estudos. 


Referente aos equipamentos tecnológicos, haviam dois computadores mas não estavam acessíveis para uso, por problemas técnicos! Contudo o usuário cadastrado pode ter acesso ao sistema de WiFi.


É uma biblioteca com arquitetura adaptada, suas amplas janelas dão vistas para outros edifícios da cidade!


Nossa visita foi realizada por volta das 11:30 da manhã, haviam poucos usuários! Nas imagens abaixo, algumas indicações sobre os ambientes observados!


A Biblioteca oferece serviços de empréstimos domiciliar, consulta local, WiFi (por duas horas diárias). O usuário tem acesso livre as estantes!


O setor de consulta a jornais e revistas era o mais utilizado naquele momento...


Na imagem abaixo, corredor que dá acesso a sala dedicada ao público infantil! 


Foi surpreendente perceber inexistência de usuários no espaço dedicado ao público infantil. Esperávamos encontrar grupos de estudantes com seus professores e profissionais da biblioteca realizando atividades de contação de história e outras ações lúdicas nesse ambiente. 


De acordo com o site da biblioteca, no tocante ao acesso:
O acesso à biblioteca é aberta a todos os cidadãos italianos e estrangeiros, independentemente da idade, com a única formalidade do feedback identidade pessoal através do preenchimento do formulário. É necessário cumprir rigorosamente a lei relativa à utilização de locais públicos, em particular, é estritamente proibido: dano, de qualquer forma, aos ativos da instituição; fazer sinais ou escrever, mesmo a lápis, em livros e documentos da biblioteca; perturbar as atividades de estudo e de trabalho. Nas instalações da Biblioteca é proibido fumar. A espaço para crianças é reservado para público com menos de 18 anos.

Chamava a atenção uma placa de advertência localizada no salão de leitura principal, criada para orientar entre outras coisas, sobre a prática inapropriada de molhar os dedos com saliva e tocar nas folhas dos livros para virar as páginas.


A passagem pela Biblioteca Dott. F. Corradi, foi interessante e agradeço às bibliotecárias Daniela Filippi e Rosella Masper que nos atenderam com simpatia.

Fotos: Soraia Magalhães
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário