FUNDAÇÃO HOSPITAL ADRIANO JORGE E SUA BIBLIOTECA – (FHAJ)


É com prazer que escrevo sobre a visita que fiz a Biblioteca do Hospital Adriano Jorge, em Manaus e um dos motivos foi ter reencontrado a bibliotecária Marilene Sena que foi minha colega de turma no curso de Biblioteconomia da Universidade do Amazonas, a qual sempre tive admiração.


Marilene vem realizando atuação relevante junto a Fundação Hospital Adriano Jorge (FHAJ) e me contou sobre desafios e conquistas, dos quais o auxílio na publicação do livro intitulado "DIRETRIZES ASSISTENCIAIS DA FUNDAÇÃO HOSPITAL ADRIANO JORGE (protocolo) que será lançado em outubro de 2013, durante a V Jornada Científica da FHAJ. O livro trata das diretrizes e procedimentos médicos das áreas multidisciplinares que são rotinas na Instituição.


De acordo com Marilene, há ainda um outro trabalho em vias de ser publicado e se trata de uma narrativa sobre a história do Hospital, cujo projeto foi aprovado pelo Programa de Iniciação Científica da FHAJ/FAPEAM. O livro tem o título: "DE SANATÓRIO À FUNDAÇÃO HOSPITAL ADRIANO JORGE: UMA REFERÊNCIA NA HISTÓRIA DA SAÚDE PÚBLICA NO ESTADO DO AMAZONAS", que aborda a História da Instituição desde a sua fundação como Sanatório até a atualidade. 

A Biblioteca da FHAJ, funciona em uma sala pequena, tem acervo ainda restrito, contudo em termos de projetos tem conseguido realizar feitos, como por exemplo patrocínio junto a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas - FAPEAM para realização da V Jornada Científica da FHAJ, que é um evento que acontece todos os anos. 


Ainda pela Fapeam, o Projeto "POLÍTICAS ARQUIVÍSTICAS PARA MELHORIA DO SISTEMA DE ARQUIVOS E GESTÃO DOCUMENTAL NA FUNDAÇÃO HOSPITAL ADRIANO JORGE",  foi selecionado e a Instituição receberá recursos que poderão contribuir para aquisição de ferramenta tecnológica moderna e eficaz capaz de controlar e organizar os documentos gerados pela FHAJ.

Além dessas conquistas Marilene contou que sob atribuição da Biblioteca ainda estão a criação e lançamento da Revista Científica da FHAJ que já está pronta e será lançada em breve, a Galeria dos Diretores da FHAJ também já está sendo providenciada para inaugurar ainda este ano, bem como a aquisição de livros das áreas médica e multidisciplinares, etc.

Gostei muito de tudo que soube sobre as ações desta Biblioteca e para completar me encantei especialmente com um detalhe, minha colega dispõe no acervo de um exemplar de LIA SEMPRE LIA, que de acordo com ela, quando uma criança visita o espaço esse livro tem sido sempre oferecido e é muito bem recebido pelos pequenos...


Ao iniciar este texto contei que era com prazer que escrevia sobre a Biblioteca da FHAJ e um dos motivos foi encontrar a estimada Marilene, contudo, prazer redobrado foi estar com a minha querida mãezinha que trabalha há muitos anos nesta instituição e é tão querida por muitos. Para minha mamãe Iolanda Pereira, dedico esta postagem. A imagem abaixo data de um outro momento de uma visita que fiz a ela no Hospital Adriano Jorge...


A trajetória da Fundação Hospital Adriano Jorge remonta o ano de 1953 quando foi inaugurado como sanatório pela Companhia Nacional contra a tuberculose do Ministério da Saúde. Em 1979 passa a ser denominado Hospital Geral Adriano Jorge e em 2003 com a lei nº 2.847 se torna fundação. Para saber mais acesse:  FHAJ

Fotos: Soraia Magalhães
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

1 comentários:

Clique aqui para comentários
Obrigado pelo seu comentário