KISTA BIBLIOTEK - ESTOCOLMO - SUÉCIA


Inspirada pelo desejo de apresentar bibliotecas bonitas, destaco Kista Bibliotek, uma entre muitas bibliotecas que visitei na Suécia em 2012. 


Esse post porém, refere-se a um marco no tempo desta Biblioteca e por isso as imagens condizem com outro momento, haja vista que seu espaço atual foi alocado para uma área de aproximadamente 2.400 metros quadrados, fator que a transformou na segunda maior biblioteca de Estocolmo.

Estas imagens demonstram seu posicionamento anterior ao redor da praça central, um espaço de excelente acesso. Em Kista, residem muitos estrangeiros e o acervo geral reúne grande quantidade de títulos em diferentes línguas. 


Como em todas as bibliotecas suecas, chama a atenção o bom gosto na decoração, com especial atenção para as luminárias que favorecem harmonia aos espaços. 


A Biblioteca possui amplo salão de leitura geral, bem como computadores com acesso a internet e serviço de impressão. 



Há mesas para uso individual e em grupo, assim como áreas mais amplas reservadas também para esse fim em ambientes aconchegantes. Para quem quer fazer uso de seu próprio equipamento, a Biblioteca dispõe de rede sem fio com acesso gratuito.


Como é comum às bibliotecas públicas de Estocolmo, a área reservada para o público infantil possui decoração atraente, cores fortes e o mais importante: amplo acervo, com muitos dos títulos inclusive em diferentes idiomas visando atender as minorias linguísticas. 



A Biblioteca de Kista possui diversos serviços que objetivam envolver a comunidade. Possui um auditório com capacidade para 50 pessoas onde são realizadas palestras, encontros com escritores, apresentação de filmes e outros. 



Essa foi uma das poucas bibliotecas suecas em que não tive contato com bibliotecário ou outro profissional do atendimento ao público. Pude visitá-la como qualquer outra usuária e assim folhear livros muito à vontade. Me impressionei muito com sua beleza e fiquei satisfeita por poder observar o ir e vir das pessoas e entre outras, coisas o bom trabalho que os bibliotecários por lá realizavam. 

Fotos: Peter Janzon
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário