A ENCANTADA - MUSEU CASA DE SANTOS DUMONT - PETRÓPOLIS - RJ


Se chama A Encantada, a casa planejada por Santos Dumont para passar temporadas em Petrópolis, no Rio de Janeiro. O lugar, transformado em museu nos leva a saber mais sobre esse grande inventor brasileiro também conhecido por muitos como  "O pai da aviação". 


Localizada na Rua do Encanto, atrai a atenção de turistas que se surpreendem com o estilo pitoresco da pequena residência instalada em uma área íngreme e cercada por vegetação aprazível. 

É no seu interior porém que são encontrados detalhes irreverentes, como por exemplo, a escada construída em madeira em formato de raquete, que nos força a começar a subir com a perna direita, e outra escada que se pode somente subir com a perna esquerda.


Construída em 1918, a casa possuía a seguinte distribuição: no primeiro andar funcionava a pequena oficina. O segundo andar, sala de estar, de jantar e biblioteca e no terceiro andar estava o banheiro e dormitório.


O Museu é administrado pela Fundação de Cultura e Turismo de Petrópolis. A casa foi doada pela família de Santos Dumont em 1936, quatro anos após a sua morte. Uma bela contribuição que reflete a memória de um de dos moradores mais ilustres da cidade.


A Encantada não dispõe de tantos materiais em exposição, apenas uma pequena reunião de livros, cartas e objetos de uso pessoal de Santos Dumont.


Em uma praça da cidade, mais ou menos nas proximidades de A Encantada, há uma  réplica do avião 14-Bis que foi uma das principais invenções de Santos Dumont.. Construído em 1906 e testado em Paris, na França, foi o primeiro objeto mais pesado que o ar, a projetar-se do solo por impulsos próprios. Na foto acima, uma manifestação de alegria (tentando voar como o 14 Bis) alegria por conhecer Petrópolis, os museus da cidade e por estar também entre amigos.  


A visita "A Encantada", aconteceu em 2010 junto Carlos Fábio Guimarães, Mirleno Lívio e Rosana Dutra. Na época havíamos participado do XVI Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias (SNBU) e II Seminário Internacional de Bibliotecas Digitais-Brasil (SIBD-B), no Rio de Janeiro.

P.S. Em 2014 o SNBU foi em Belo Horizonte e acompanhei pelas redes sociais a alegria dos colegas que lá estiveram. Ao que tudo indica, o evento foi muito bom!


Fotos: Soraia Magalhães, Carlos Fábio, Mirleno e Rosana Dutra.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário