A CARA DA VERGONHA - BIBLIOTECA MUNICIPAL DE MANAUS


Esse é o edifício da Biblioteca Municipal de Manaus, criada pela lei nº 971, de 02 de janeiro de 1967 e pelo decreto nº 27 de 12 março de 1975. Ele é de responsabilidade da Fundação Municipal de Cultura e Turismo, da Prefeitura de Manaus, contudo, o prédio está abandonado, tendo sido fechado para reforma em 2011, reforma jamais iniciada. 

Oficialmente se chama Biblioteca Municipal João Bosco Pantoja Evangelista.


Esse post já era para ter sido feito desde março de 2017 quando fiz as fotografias, depois o tempo passou e em maio desse ano, ao receber o contato de Lígia Zau, estudante do curso de Biblioteconomia da Universidade Federal do Amazonas, que buscava dados sobre o local, senti novamente o desejo de fazê-lo, contudo o objetivo é bem mais deixar registrada minha indignação por meio das imagens.  

Na verdade não costumo perder as esperanças, contudo começo efetivamente a temer que não veremos esse espaço reformado, revitalizado.


Em meio ao turbilhão de vergonhas que temos assistido no Brasil e a passividade do povo diante de tantas perdas e manobras do governo golpista, precisamos continuar acreditando na leitura e na cultura com suas forças esclarecedoras, contudo, sem melhorar a educação e o acesso ao conhecimento por meio de boas bibliotecas vamos continuar amargando anos de dor com essa corja no poder.

Enquanto sigo por esse período conhecendo impressionantes trabalhos realizados em bibliotecas de países como Espanha e Portugal, não poderia deixar de fazer esse registro. Inclusive agora alardeando por outros posts onde estão belas bibliotecas públicas que poderiam inspirar os gestores públicos do país. 

Encerro essas linhas com esperança na figura da estudante do Curso de Biblioteconomia Lígia Zau que se propôs a começar uma luta por esse espaço.

Fotos: Soraia Magalhães
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário