LEITURAS NA FAZ DE CONTO LIVRARIA - COIMBRA


A Livraria Faz de Conto localizada no Exploratório - Centro Ciência Viva, em Coimbra é, além de muito bonita, um espaço que prima por oferecer aos pequenos leitores, pais e responsáveis, acesso ao mundo dos livros infantis.


E eu tive a oportunidade de estar lá apresentando um pouquinho do trabalho com meus livros "Lia sempre lia" e "Leo e seus amigos, os livrinhos", publicados no Brasil com a proposta de apontar por meio de ilustrações e narrativa poética onde a leitura pode nos levar. Sim, porque acredito na leitura como fonte de poder e gosto especialmente dessa parte contida no livro da Lia:
Poder de transformar o mundo, vencer as injustiças sociais, ou despertar a consciência para os problemas ambientais ou produzir tantas ideias no ambientes culturais. (LIA SEMPRE LIA, 2012)
Impossível não pensar nos problemas que o Brasil está enfrentando, numa estrutura em que bibliotecas, livros e leitura foram por tantos anos negligenciados (muito antes do governo do PT), vivemos uma condição onde o fascismo ganhou uma força iminente. 


público não era grande, mas foi bacana poder realizar essa experiência no velho continente, afinal até então apenas havia apresentado meu trabalho no Brasil.  


As atividades aconteceram no horário entre as 11 e 12 horas da manhã de domingo (23 de setembro), onde além de falar sobre Lia sempre lia e Leo e seus amigos, os livrinhos, apontei uma das obras que marcou minha formação leitora: O pequeno Príncipe, do escritor francês Antoine de Saint-Exupéry - lembrando que agora há edições lindas e facilitadas desse livro para as primeiras idades. 

É importante que fique claro que esse tipo de apresentação não deve ser vista como uma contação de história, mas a oportunidade de contato das crianças com uma escritora e seu mundo.



O sorriso estampado nas imagens oferecem uma visão do quão prazeroso foi para mim a oportunidade de falar de leituras e, por conseguinte poder utilizar como instrumento de abordagem meus próprios livros. 

Parabenizo à Sofia Correia pelo excelente trabalho e aproveito para agradecer a Cândida, mamãe da Sofia, pelo carinho com que me recebeu, bem como a bibliotecária Alessandra que trouxe sua pequena para prestigiar o momento e realizou as imagens.


Fotos: Alessandra 
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário