CASA FIAT DE CULTURA - BELO HORIZONTE



Abril ficou para trás, mesmo assim apresento nesse post o registro da estada na Casa Fiat de Cultura, realizada (naquele mês) com a amiga Kellen Guimarães. Foi a primeira vez que visitei o espaço e como ainda dá tempo de divulgar algo de exposição que está acontecendo por lá, segue esse breve comentário. 


O espaço da Casa Fiat de Cultura é bonito. Muito bem localizado, aliás está bem pertinho da Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa que junto a outros museus e centros culturais constituem o Circuito da Praça da Liberdade. 



Dentre as belezas que lá pudemos apreciar, o destaque ficou por conta de duas esculturas em mármore da exposição Prazer e morte: a escultura atemporal, de Marco Aurélio R. Guimarães. Elas realmente impressionam pela grandeza e atenção aos detalhes. Os olhos da mulher são incríveis!


O objetivo da visita era conhecer o ambiente e apreciar o que estava acontecendo de marcante naquele momento. 

Tendo em vista que tenho postado dados sobre visitas por espaços culturais em várias cidades, sendo a maioria em Belo Horizonte, deixo essas linhas extraídas do site da  Casa Fiat de Cultura que orienta sobre a importância desse trabalho: 
A Casa Fiat de Cultura, responsável por realizar grandes exposições de arte, está instalada em nova sede no Palácio dos Despachos, edifício que integra o conjunto arquitetônico e histórico do Palácio da Liberdade e o Circuito Liberdade, importante corredor cultural do país. A instituição, mantida pelas empresas do Grupo Fiat, realizou completa revitalização e restauro do prédio, implantando a mais moderna tecnologia museológica dentro de padrões internacionais. Considerada um dos mais importantes espaços para discussão e exposição das artes no Brasil, a Casa Fiat de Cultura destaca-se pelo alto valor histórico, artístico e educativo de sua programação. Além de grandes mostras inéditas reunindo acervos dos mais importantes museus e coleções do Brasil e do mundo, a instituição realiza programa de palestras, sessões de cinema e atividades educativas, e se destaca por oferecer experiências qualificadas e enriquecedoras para todos os públicos. Sempre com programação gratuita, entre seus objetivos estão a valorização do patrimônio, a circulação dos bens culturais e a difusão das culturas brasileira e mundial.
Seria uma beleza se mais empresas que usufruem do mercado nacional tivessem obrigação de investir em cultura. Talvez melhorariam as condições de serviços de nossas bibliotecas, museus e outros segmentos culturais, isso extensivo inclusive a outras regiões do país. Equipamento cultural como esse no Amazonas, por exemplo seria muito bem-vindo. 



Perguntei sobre a existência de um espaço de biblioteca na Casa Fiat de Cultura, mas não havia. Soube que já houve uma livraria, mas fechou. O que encontrei foi uma indicação de um de seus parceiros sobre a Biblioteca Dante Aliguieri localizada no bairro Belvedere, em Belo Horizonte. Parece ser bem bonita e senti vontade de conhecê-la!



A Casa Fiat de Cultura dispõe, além dos espaços para exposição, também de um Café. O lugar é agradável, confortável. Foi um prazer ter feito essa visita com minha amiga Kellen Guimarães!

A mostra Prazer e morte está aberta a visitação até o dia 7 de maio!

Endereço: Praça da Liberdade, n. 10, Funcionários.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário